domingo, 15 de outubro de 2017

Nua


*

Desfiz de mim
despi meu corpo
descalcei meus pés
descolori meus cabelos
voltei
para me refazer menina
olhar pela janela
procurar o amor perdido
me reencontrar nua
e desabrochar
no meio da rua

Conselheiro Lafaiete, 9 de outubro de 2017

* O nascimento de Vênus do pintor italiano Sandro Botticelli. Pintura criada entre 1485 e 1487.

domingo, 1 de outubro de 2017

Na casa dos corredores

Resultado de imagem para corredores republicas ouropreto

entrou na casa 
levada por ele.
não disse palavras
seu coração dizia tudo.
era uma casa antiga,
com paredes pintadas de branco
portais de madeira no tom azul royal.
mais tarde, quando estivesse deitada,
veria o forro em traçados de taquaras.
conhecia bem daquilo
estava feliz para além da realidade.
confiou no moço.
na mão do moço que lhe conduzia
por corredores e escadas abaixo.
uma casa em estilo colonial.
não teve dúvidas.
outras escadas para descer
chegaram numa construção nova 
que tentava imitar aquela.
uma porta grande
bem feita 
pintada do mesmo azul.
um amplo quarto de dormir.
pediu um banho 
saiu enrolada no lençol.
suas roupas ficaram penduradas
um cabideiro de três pés.
eram roupas comuns
cuidadosamente 
escolhidas para aquele encontro.

ele sentou ao lado dela.
trocaram carícias de amor
beijaram.
ela o amava
sabia da reciprocidade

ele deitou ao seu lado 
suas mãos viajaram por aquele corpo.
dormiram extasiados de paixão.



pela manhã acordou-a com  beijos, 
de mansinho.
muitos beijos.
avisou que sair  mas voltaria logo.
ela esperou
e esperou mais.
então olhou para suas roupas
entendeu o que elas lhe diziam.
levantou.
lavou-se do amor 
saiu do quarto.
subiu escadas.
atravessou corredores
abaixou a cabeça
encontrou a porta de saída.
andou pelas ruas 
ladeiras.
entrou num bar
tomou café com pão e manteiga.
vagou todo aquele domingo
por estradas.
comeu
e dormiu em qualquer lugar.
sabia que teria que voltar 
para tão distante dali 
era o tempo das caronas.
entrou num carro qualquer
que parou ao seu sinal do pedido.
não voltou para casa.
nem sabia para onde ir.
não queria saber do sabido
daquele desfecho do encontro.

a moça nada entendia 
por isto nem chorou.
estava por demais cheia de amor.
nem percebeu que fora deixada
na casa.
e que se dera ao amor de uma noite.
apenas.




15/09/2017