quarta-feira, 24 de junho de 2020

Mini-conto: Dia de São João

(Delicadezas em tempos de Coronavírus XVI)

Naquela noite de São João, como nos anos anteriores, seus olhos me fitaram e ruborizaram minha face. 

Para fazer fita dancei com  outro que nunca esteve lá. Aquele foi embora e este não valeu a pena. 

Hoje, neste dia de São João, como nos últimos anos, meus olhos fitam as ruas vazias de ti. 

À noite dançarei de paixão e a fogueira queimará meu coração. Só não terei mais seu olhar a me fitar.

24/06/2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário